Adolescente de 14 anos faz mãe de refém e polícia negocia entrega

A Polícia Militar, por meio do Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE), negocia a entrega de um adolescente de 14 anos que entrou em surto psicótico na manhã desta terça-feira (14), em Campina Grande do Sul, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC).

Segundo informações repassadas a reportagem, o garoto está sozinho, armado e trancado dentro da própria casa localizada na Rua Augustinho Manika, no bairro João Paulo II.

Antes, ele manteve a mãe como refém por quatro horas, a libertando após negociação com o Bope. A área está completamente isolada para o trabalho policial que já dura mais de seis horas.

O clima é tenso e moradores do bairro relataram à reportagem que ouviram tiros pela manhã. “Nós ouvimos dois tiros na parte de cima da casa da família. Aqui é um loteamento pequeno e todos se conhecem”, disse uma mulher à reportagem.

De acordo com a polícia, o menino fez a mãe, grávida de nove meses, como refém por mais de quatro horas. “Faz pouco tempo que moro aqui, tem três meses, e eu nunca vi algo assim”, disse um morador do bairro. “A situação vai acabar bem para todos”, completou o homem que não quis ser identificado.

Banda B.

WhatsApp CEF (45)99102-5516 – Canal direto com nossa redação – Envie sua solicitação e a nossa equipe irá atender você.

Participe do grupo do Portal Catanduvas em Foco no WhatsApp e receba todas as notícias em primeira mão no seu celular, para participar é muito fácil, entre em contato com o CEF através do nosso WhatsApp (45)99102-5516 e envie a mensagem, QUERO PARTICIPAR DO GRUPO, em poucos minutos você estará recebendo todas as notícias com exclusividade em seu celular.